Os meus videos

Loading...

domingo, 18 de setembro de 2011

Campeonato Grupo C - Augusto Amorim Campeão

Decorreu na passada sexta-feira uma das provas mais alucinantes de sempre. A última prova do Campeonato Grupo C contou com 12 participantes, foi a segunda prova com mais pilotos, como eu referi na mensagem de sexta-feira o record da pista ia ser ameaçado, e foi, e não foi por apenas um piloto.

Na qualificação Augusto Amorim fez em nove segundos o que mais ninguém fez em todo o minuto da qualificação, conseguindo assim a Pole Position, seguido de Paulo Mendes e José Eduardo.

Na primeira manga correram:
Miguel Queirós, José Pedro Vieira, Luís Pedro, Nuno Aguilar, Mika e José Matos.



José Matos fez o que pode com um Lancia que estava bastante desequilibrado.
Luís Pedro pouco treinou com os pneus que lhe foram emprestados para fazer a prova e não foi além do 11º Lugar.
Mika melhorou um pouco o seu Jaguar e ficou no 10º Lugar.
José Pedro Vieira fez a sua terceira prova e ficou-se pelo 9º Lugar.
Miguel Queirós não foi além do 8º Lugar com o seu Jaguar.
Nuno Aguilar fez uma fantástica prova na primeira manga, e acabou no 3º Lugar, a apenas três metros do segundo classificado, Nuno Aguilar beneficiou de uma segunda manga de loucos que mesmo com carros muito rápidos teve bastantes saídas e nem todos superaram o seu andamento mais certo.

Na segunda manga correram:
José Eduardo, Augusto Amorim, António Maia, Paulo Mendes, José Marques e Emídio Peixoto.



Emídio Peixoto fez a sua primeira prova neste Campeonato com um Porsche rapidíssimo cedido pelo Paulo Mendes, mas que falhava em algumas calhas o que não permitiu que fize-se melhor que o 7º Lugar final, apesar de ter conseguido o feito de chegar à casa dos 6,9 segundos.
António Maia estreou o seu Toyota, mas não teve muita sorte, pois o carro já tinha apresentado algumas falhas nos treinos, e na prova aconteceu o mesmo, não foi além do 6º Lugar.
Paulo Mendes tinha tudo encaminhado para alcançar o segundo lugar na prova, mas na penúltima calha um dos pneus descolou e não aguentou a concorrência e caiu para o 5º Lugar, de lembrar que Paulo Mendes chegou a casa dos 6,9 segundos.
José Eduardo correu com um Jaguar muito seguro emprestado pelo António Maia e fez uma grande prova acabando no 4º Lugar, com um pouco menos de azares durante a prova José Eduardo ficava certamente melhor classificado.
José Marques apresentou o carro mais lento da segunda manga, mas começou bem a manga, e com todos os azares dos outros pilotos e a opção por uma condução mais certa levou-o ao 2º Lugar com apenas três metros de vantagem para Nuno Aguilar.
Augusto Amorim só tinha uma coisa na cabeça para esta prova, suprimir o record oficial da pista, e fez-lo, pelo menos por quatro vezes, com esse objectivo na cabeça começou logo na calha amarela, onde fez primeiro 6,806s, e depois 6,786segundos o novo record da volta mais rápida. Mas como isso ainda não chegou, na calha verde chegou novamente aos 6,8segundos e também aos 6,9s, demonstrando assim a eficácia do piloto e da sua fantástica máquina.
Parabéns Augusto Amorim pela vitória de mais uma prova e de mais um Campeonato.

O novo Record e o carro:


A classificação final:


O pódio da prova:
1º Lugar - Augusto Amorim
2º Lugar - José Marques
3º Lugar - Nuno Aguilar

No que toca ao Campeonato manteu-se tudo na mesma em relação ao pódio:
1º Lugar - Augusto Amorim
2º Lugar - Paulo Mendes
3º Lugar - António Maia

Na próxima sexta-feira começa mais um Campeonato desta vez com os Turismos da Fly, não perca.

1 comentário:

  1. Foi uma prova de loucos xD
    Parabéns Augusto por todos os feitos xDD

    ResponderEliminar